terça-feira, 5 de março de 2013

Os três fs do Firmino - Samuel Souza de Paula



OS TRÊS FS DO FIRMINO

Por Samuel Souza de Paula


Se você já assistiu há alguma das minhas palestras é provável que saiba que vivi toda minha infância, adolescência e juventude na periferia de São Paulo. E talvez tenha escutado eu contar algumas das histórias que aprendi com meu avô. Ele morava muito longe, cuidava de uma roça e não sabia escrever nada além do próprio nome, mas naqueles momentos de crise pessoal e familiar parecia que suas palavras ressoavam em meus ouvidos e coração com uma proximidade mais intensa do que a realidade.
Lembro particularmente de um momento em que estava somente eu e meu avô. Eu deitado na cama, e ele sentado ao meu lado. Contei que queria construir uma casa na árvore. Então ele começou a contar uma história. Disse que talvez eu não entendesse naquele momento, mas que com o passar do tempo às coisas fariam sentido. Eu já tinha ouvido falar, principalmente na época de fim de ano e réveillon, de que era preciso levantar da cama com o pé direito. Mas, o que aprenderia com meu avô naquela manhã, seria inesquecível.
Ele disse: “Neto! Independente do pé que você colocar no chão ao se levantar, direito ou esquerdo, lembre-se dos três Fs!”. “Três Fs vô?!”, perguntei curioso. “Quais são os três Fs?”, continuei. “Vou dizer! O primeiro F é Firme!”, falou com aquela entonação que mais parecia uma evocação dos poderes de Grayskull. “Que legal vô! E qual é o segundo?” “Calma, primeiro firmeza. Você precisa ser firme nos sonhos que escolher realizar, precisa estar decidido, com vontade, firme em seus propósitos. Este é o primeiro F.”
Eu sorri como fazem as crianças quando querem saber tudo bem rápido e perguntei: “E qual é o segundo F vô?”. Respirou profundamente como se uma magia muito antiga flutuasse no ar e continuou: “O segundo F é Forte!”. Esgarcei a manga da velha camiseta que usava, me aprumei na cama e com um orgulho de campeão bati com a mão esquerda no muqui da direita e disse: “Este aí eu já tenho. Forte eu já sou! Veja vô o efeito do biotonico fontoura!” Ele olhou nos meus olhos, balançou a cabeça e disse: “Não é este tipo de força neto que estou falando”. Pegou em minhas mãos, juntou com as suas e afirmou: “Sozinhos somos fracos neto, juntos somos fortes. Só é possível ser forte nesta vida neto com outras pessoas.”
A vida nos ensina a todo o momento, nos alto da montanha, nos baixo dos abismos, nas planícies e em tudo: aprendizado. Sou aprendiz e com o passar dos anos e décadas a gente pode até ter criado muitas verdades inacabadas, mas chega um momento em que tomamos consciência e vem uma compreensão mais ou menos assim: “É verdade. Eu só existo porque existem outras pessoas. Quando você tem uma ideia ela não é forte, pode até ser firme e é importante ser firme. Se você não acredita na sua ideia, nos seus sonhos, é mais difícil alguém amais acreditar. Até mesmo o Universo fica em dúvida. A força não está na ideia, mas no caminhar a ideia. No permitir e deixar fluir em outros corações. Guardar para si é ‘um sonho que se sonha só’, e o mundo só tem sentindo ao ser compartilhado”.
“Falta um! Vô, qual é o terceiro F?”, perguntei. “O terceiro é Feliz”, disse ele esbanjando um singelo sorriso. “Seu sonho tem que ser regado com alegria. É preciso que seja algo que só de imaginar dá vontade de cantar e dançar. Você se enche de felicidade, de contentamento, de entusiasmo. Neto, você também pode chamar esta felicidade de amor”.
Estes são os três Fs do Firmino, estado de consciência que convocava todas as manhãs antes de colocar os pés no chão: Firme (firmeza), Forte (força) e Feliz (amor). Quero dizer que a casa na árvore foi construída com sucesso e que possamos ser firme em nossos propósitos e ações; fortes em nossas alianças e feliz em nossa consciência. O que mais dizer a não ser gratidão! Gratidão por vocês serem presença em minha vida, pois juntos somos fortes.
Meu propósito de vida é inspirar, despertar e habilitar as pessoas a alcançarem seus sonhos mais elevados e incentivar o desenvolvimento espiritual com sabedoria, amor e respeito por meio de dinâmicas integrativas, educação criativa e comunicação inteligente cocriarmos um mundo melhor.
Sou Samuel Souza de Paula e assim falei! Bom dia!!!


4 comentários:

MaSomerhalder disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
MaSomerhalder disse...

Poxa, que lição de vida!!! Obrigada Samuel!!

Cirlei disse...

Que maravilhosas e sábias palavras de seu avô e você transcreveu perfeitamente!
Quero levar comigo sempre os 3 Fs!!
Obrigado Samuca!

Célia disse...

Obrigada Samuel! Amei!